Na última sexta-feira (16), a Portonave atingiu a marca de sete milhões de TEUs (unidades de medida equivalente a um contêiner de 20 pés) movimentados desde o início de suas operações, em 2007. De lá pra cá, o terminal portuário também já atracou mais de seis mil navios.

O contêiner de número sete milhões recebeu uma faixa comemorativa dos profissionais do terminal, partindo para Xangai no navio CMA CGM Jacques Júnior. A movimentação ocorreu às 15h11, segundo a empresa. A faixa ficou visível na última altura do convés, na asa do navio, e voltado para Navegantes, podendo assim ser visto do molhe durante a saída da embarcação pelo Canal da Barra.

Desde outubro de 2014, a Portonave detém o recorde sul-americano de produtividade por navio, chegando a atingir uma média de 270,4 movimentos por hora. Atualmente, a empresa trabalha com oito serviços de navegação, sendo três com a Ásia, dois com o Golfo, e os demais com Norte da Europa, Costa Leste dos Estados Unidos e com Mediterrâneo.

O terminal hoje representa quase 50% da arrecadação do município em Imposto Sobre Serviços (ISS). Em 2017, a Portonave contribuiu com R$ 11,63 milhões de um total de R$ 23,8 milhões arrecadados pela prefeitura nesta modalidade de tributo, de acordo com dados obtidos por meio do Portal da Transparência.

Empregos gerados

Até setembro deste ano, a contribuição da empresa foi de R$ 9,2 milhões dos R$ 20,5 milhões angariados pela prefeitura nos primeiros nove meses de 2018 em ISS. O terminal também ajuda na geração de empregos, contando hoje com cerca de 1,3 mil trabalhadores em suas instalações, e estima-se que suas atividades gerem outros 3 mil postos de trabalho indiretos na região.

Osmari de Castilho

Para o diretor-superintendente administrativo da Portonave, Osmari de Castilho Ribas, é “uma satisfação muito grande” poder celebrar a conquista registrada na semana passada. “A Portonave é uma empresa consolidada, com elevado índice de produtividade e destaque no cenário nacional”, comentou. “Ainda mais satisfatório é compreender que o volume movimentado até aqui se reflete em um movimento econômico em toda a região. Ele é resultado de uma infraestrutura adequada e, sobretudo, da capacidade da equipe que opera o terminal”, finalizou.

Reconhecimento

Recentemente, na segunda-feira (19), Castilho recebeu a Comenda do Legislativo Catarinense, em Florianópolis. Ao todo, foram 38 homenageados pelos deputados estaduais – Castilho, por sua vez, recebeu a condecoração do parlamentar Patrício Destro (PSB). A homenagem anual da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc) reconhece personalidades, entidades, empresas e movimentos que se destacam na contribuição para o desenvolvimento do estado.

DEIXE UMA RESPOSTA