Após três anos de luta, a Rede Feminina de Combate ao Câncer (RFCC) de Navegantes consegue realizar o sonho de inaugurar sua sede própria. Construída inteiramente com recursos próprios, sem ajuda do Poder Público, o prédio será inaugurado nesta sexta-feira (29), às 09h30.

O local já tem sido a casa das voluntárias desde março. Previamente, a rede atuava provisoriamente em anexo a Secretaria da Criança, do Adolescente e da Juventude. “Vamos inaugurar porque precisamos prestar contas à sociedade”, destacou Eliana Clementina Lopes Cabral, presidente da entidade desde novembro de 2016. Todo o dinheiro arrecadado para dar vida à sede veio da sociedade, por meio de doações da comunidade e empresariado, pedágios, bazar, eventos e venda de camisetas. Sendo assim, não foi fácil conseguir reunir o montante para levantar a edificação. E a necessidade de colaboração dos navegantinos continua, já que a parte do mobiliário ainda está incompleta. Das 20 portas que compõem o edifício, 17 delas foram doadas. “É tudo feito com muito amor e carinho, esse é o lema da Rede”, comentou Eliana.

Exames e consultas

Quando assumiu a presidência, havia R$ 80 mil em caixa para as obras. Hoje a entidade possui em torno de R$ 22 mil. Porém, já havia sido investido na sede antes. Vale ressaltar também que o dinheiro da RFCC não serve apenas para a construção, mas sim para custear exames e consultas para mulheres do município acometidas pelo câncer, com urgência no atendimento ou que não têm condições de pagá-los. Ao ano, são feitos cerca de 700 atendimentos dessa natureza com a ajuda da entidade.

Motivo de orgulho

Presidente da RFCC durante três anos (2014, 2015 e 2016), Maria da Glória Bortolatto diz que ver a sede inaugurada “é a realização de um sonho” e é até difícil de acreditar que esse dia chegou. “Não ter de onde tirar recurso, só com artesanato, lojinha e pedágio, construir uma sede daquele tamanho? É de sentir muito orgulho”, comentou.

Elogiou a presidente

Glória parabenizou a gestão de Eliana, que deu continuidade ao trabalho iniciado anos atrás. Durante a gestão da ex-presidente, foram conseguidos a doação do terreno onde está a sede, a liberação da documentação e início da construção. A pedra fundamental foi inaugurada em 11 de julho de 2015, enquanto as obras iniciaram em maio de 2016.

Funcionamento

Hoje a RFCC conta com cerca de 40 voluntárias. Os atendimentos acontecem na sede nas tardes de segunda a sexta-feira, das 13h30 às 17h, e nas manhãs de terça e quinta, das 8h30 às 11h.

DEIXE UMA RESPOSTA