O intenso calor que vem sendo registrado em Navegantes nas últimas semanas é causador das famosas chuvas de verão e, no último domingo (13), Navegantes sofreu com índice pluviométrico acima do normal. Em apenas 40 minutos, choveu 90 milímetros de água na cidade, causando transtornos para os munícipes.

Moradora do bairro Machados, na rua Regina Milanez Maccarini, Dirce Marques teve de jogar alguns móveis fora porque a água da chuva invadiu a sua residência. Em fotos postadas em sua página no Facebook, é possível notar que a enxurrada foi o suficiente para alcançar alguns móveis. Uma cômoda, por exemplo, teve de ser jogada fora. Assim como ela, outros moradores também computaram prejuízos.

Segundo o secretário de Segurança e diretor da Defesa Civil de Navegantes, Johnny Coelho, foram afetadas cerca de 160 ruas por conta da tormenta. Os 90 mm de chuva em apenas 40 minutos foi o maior índice dos últimos anos de queda d’água em tão pouco tempo. De acordo com a contabilização da Defesa Civil, em torno de 20 casas sofreram pequenos alagamentos, chegando a uma lâmina de oito centímetros de água em alguma delas.

Ainda de acordo com Johnny, além da grande quantidade de água que caiu em pouco tempo, um dos responsáveis pela enxurrada foi o excesso de sujeira nas ruas que acabou fechando os bueiros da cidade. “A comunidade precisa ajudar a não jogar lixo nas ruas”, pediu o secretário. Nos próximos dias, existe a possibilidade de pancadas de chuva fortes, especialmente nos fins de tarde e início da noite.

Bocas de lobo

As bocas de lobo ganham protagonismo em momentos como esse. Ao dar uma volta pelo bairro Gravatá, por exemplo, é possível notar bueiros mal cuidados, cheios de sujeira, alguns que nem sequer se vê mais as entradas. Soma-se a falta de limpeza da prefeitura com também a sujeira que os munícipes jogam na rua e o resultado é esse, alagamentos e prejuízos materiais.

Vereador Murilo

Buscando uma solução para o problema dos alagamentos, o vereador Murilo Cordeiro (PT), no dia 05 de novembro de 2018, apresentou uma indicação em sessão da Câmara Municipal para que a prefeitura instalasse nas bocas de lobo da cidade, cestos coletores, para impedir que dejetos entupam a tubulação. O modelo, segundo Murilo, seria semelhante ao aplicado em Itapema, sugestão que recebeu de um internauta em sua página no Facebook. “Não é a solução, mas seria um paliativo”, disse Cordeiro.

Não obteve resposta

O vereador, no entanto, nunca teve um retorno do Executivo sobre a indicação. Não houve resposta da prefeitura do motivo por não ter havido uma resposta sobre a sugestão do edil. Enquanto isso, o secretário de Obras, Sebastião Alves da Silva (Meio Kilo), que dividiu a Câmara com Murilo na época da indicação, diz que se recorda dela e que tem a intenção de implantar o modelo em Navegantes. Segundo o responsável da pasta, para tal é necessário fazer o pedido na próxima licitação da secretaria, que ele não sabe ainda quando irá acontecer. Porém, ele se compromete em realizar essa transição dos bueiros da cidade. “Isso beneficia muito a população. É uma coisa boa. E pra nós, da Secretaria de Obras, é melhor. A gente consegue manter ela limpa com a qualidade melhor, e mais fácil pra fazer, dá uma agilidade”, comentou.

DEIXE UMA RESPOSTA